Sábado, 31 de outubro de 2020
informe o texto

Notícias | Cidades

Peões de Vila Rica vencem rodeio online pelo Arena Dreams no interior de São Paulo

Arena Dreams venceu o Circuito Rancho Primavera em formato que deve ser tendência no rodeio brasileiro.

19/09/2020 | 10:07

Eugênio José

Peões de Vila Rica vencem rodeio online pelo Arena Dreams no interior de São Paulo

Foto: Reprodução

O time do Mato Grosso (foto), Arena Dreams, venceu a disputa entre equipes em rodeio online contra o Circuito Rancho Primavera. Evento aconteceu nos últimos dias 8, 9 e 10 de setembro, em Ibirarema/SP, em mais uma Live Burguesa.

Assim sendo, depois de três dias de competição, o time formado por Diego Ferreira, Hildevan Silva, Lucas Rodrigues, Eduardo Batista, Leandro Garcia, Ayslan Jeferson, Sandro Batista, Rafael Silvio e Sebastião Moreira somou 1.1196,00 pontos. Montaram três touros a mais que o CRP e se sagraram os grandes campeões.

Formato que veio para ficar

Em resumo, o formato de rivalidade (um time contra o outro) se mostrou um sucesso. O rodeio em que o CRP enfrentou o Arena Dreams atraiu meio milhão de espectadores durante as transmissões no Youtube. Além disso, o alcance total em todas as redes sociais chegou a cerca de dois milhões de pessoas.

De acordo com os especialistas em rodeio, esse é um formato que virará tendência. Ou seja, chegou para ficar! A disputa por equipes prende o público de uma forma incrível. Principalmente quando a disputa está acirrada.

Só para ilustrar, o time do Mato Grosso saiu em vantagem nos dois primeiros rounds. Por outro lado, na semifinal, o CRP reagiu conseguindo colocar o time em condições matemáticas de reverter a disputa. Com toda a certeza, essa reviravolta prendeu os fãs e movimentou a torcida. De fato, expectativa foi que se viu pelo bate-papo da transmissão no Youtube.

Antes de mais nada, esse tipo de formato, realizado não só pelo CRP, mas também pela Ekip Rozeta, ativa a torcida. Mesmo o rodeio acontecendo online, as provocações geram uma rivalidade sadia. Momento típico de uma arquibancada lotada, por exemplo. E, sem dúvida, algo que mantém outros esportes em pé e manterá o rodeio também. Formato que veio com a pandemia e que tem pinta que não irá mais embora.

Arena Dreams venceu o Circuito Rancho Primavera em formato que deve ser tendência no rodeio brasileiro; mas uma live sem público aconteceu

Melhor Touro – Rômulo e Neguinho da Cia é o Bicho

Primeira vez fora de casa

Foi a primeira vez que o Arena Dreams, comandando pelo casal Diogo e Monize, saiu para uma competição fora do Estado. Primeiramente, eles têm seu ramo de atividade enraizado no Mato Grosso.

“Cheguei a parar de trabalhar com eventos, já que eu era um prestador de serviços. Decidi largar e voltar para o Paraná”, explica Diogo. “As pessoas ligadas ao rodeio começaram a me ligar e decidimos voltar para o Mato Grosso em 2017. Montamos a empresa em Campinápolis, nosso primeiro evento, e estamos lá até hoje”.

Diogo conta ainda que nesse rodeio online tinha um objetivo claro: derrotar os Trovões Azuis. “Em primeiro lugar, não sabíamos como seríamos recebidos. Para nossa surpresa, fomos extremamente bem acolhidos. Não só pelo Rogério Paitl do CRP e por sua esposa Diana, mas por todo o staff”. Conforme avalia Diogo, “o Rogério é um cara muito inteligente, nossas ideias bateram muito. E nos sentimos totalmente confortáveis para trabalhar”.

Por ser a primeira experiência nesse formato, o proprietário do Arena Dreams conta que tentou ficar calmo e estudar bastante. “Estudei muito os animais, junto com os competidores da equipe. A ideia era que quando saísse o sorteio, pudesse escalar o atleta de forma produtiva”. Diogo revela que queria passar calma para os membros do seu time. “Deu tudo muito certo! Foi uma vitória que significa muito para todos os competidores e para nossa empresa”.

Formação para esse rodeio

Dois títulos em Barretos, maior referência do segmento, nesse mesmo formato, 2011 e 2019, foram de equipes do Mato Grosso. Aliás, o time campeão de 2019 foi a base do Arena Dreams para a disputa de agora. Embora pareça que o Mato Grosso seja um estado distante do eixo, os talentos revelados lá são inquestionáveis. 

“Quando fechei com o Rogério Paitl, procurei de imediato o Zeca da Juína. Na ocasião, técnico da equipe de Mato Grosso campeã em Barretos ano passado. Conversei com os competidores e com o Neguinho e o Rômulo da É o Bicho. Fomos fazendo o trabalho, formamos a base com aquela equipe campeã de Barretos”, reforça Diogo.

Arena Dreams venceu o Circuito Rancho Primavera em formato que deve ser tendência no rodeio brasileiro; mas uma live sem público aconteceu

Rafael Ribeiro

Equipe

Diogo falou um pouco sobre cada competidor. “O talentoso Diego Ferreira, de Paranatinga/MT, descobri em um evento nosso. Ele chegou até a final sem cair de nenhum touro. Enquanto o Rafael Silva tem uma experiência maior no rodeio, calculista na hora de monta. Junto com ele veio o Sandro Batista, os dois são da Pedra Preta/MT. O Sandro é alto, mas tem talento.

Também contei com os meninos da Vila, em razão residirem em Vila Rica/MT, Lucas Rodrigues e Hildevan Silva. O Lucas é maior ganhador de etapas da Arena Dreams. O Hildevan aprendeu a montar com o Lucas e monta muito também. Segundo maior ganhador de fivelas dentro do Arena Dreams, Eduardo Batista, de Juscimeira/MT, quase não entra no time por conta de um um tratamento, contudo atendeu um pedido meu.

Já o Ayslam Jeferson, de Nova Brasilândia/MT, além de ter um talento enorme, está no estado de São Paulo, competindo pela Ekip Rozeta. Foi uma escalação estratégica, já que ele conhece bem os touros. Leandro Garcia, de São José dos Quatro Marcos/MT, é o atual campeão de Pontes de Lacerda, um dos principais eventos do Mato Grosso. Foi muito bem ficando em terceiro, mostrando na disputa individual.

Por fim, tivemos o Sebastião Moreira, de Água Boa/MT. Precisei do intermédio do Lucas para falar com ele e, no primeiro momento, ele não aceitou. Não estava treinando. Mas foi o cara que decidiu o título para nós. Enfim, foi uma experiência incrível! Estamos muito felizes com a conquista, além das amizades e laços profissionais firmados no estado de São Paulo.”

Animais também venceram

O Mato Grosso sempre foi também um grande fornecedor de animais de pulo. E o Condomínio Arena Dreams, formado pelas Cias É o Bicho, Zeca da Juína, DW e ATF, venceu a disputa com a média 43,24 pontos. O melhor touro do evento, também foi do MT, Recanto Country (Cia É o Bicho), média de 45,00 pontos.

Teve título para o CRP

Entre tantas atrações, havia ainda a disputa individual de competidores. O campeão 2018 do CRP, Rafael Ribeiro, de Murutinga do Sul/SP, levou a melhor.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Sitevip Internet