Segunda-feira, 14 de junho de 2021
informe o texto

Notícias | Economia

Abras aponta aumento no preço de alimentos em supermercados

De acordo com o vice presidente da Associação, o aumento nos preços de alguns produtos está sendo causado pela opção do produtor rural de exportar em função da vantagem do dólar alto

11/06/2021 | 07:19

Rádio Agência Nacional

Abras aponta aumento no preço de alimentos em supermercados

Foto: Reprodução

O aposentado Joaquim de Souza notou nos últimos tempos aumento no preço da carne e do ovo. Outra que teve a mesma percepção de que tudo está mais caro foi a professora Marta Rocha. E a percepção deles segue o monitoramento que a Abras, Associação Brasileira dos supermercados, faz de 35 produtos como arroz, óleo de soja, carnes e ovo.

Os itens dessa cesta tiveram, em média, um aumento nos preços de 27%, no acumulado de abril do ano passado até agora. O ovo, por exemplo, teve aumento de 11% nos 4 primeiros meses deste ano.

De acordo com Marcio Milan, vice presidente da Abras, o aumento nos preços de alguns produtos está sendo causado pela opção do produtor rural de exportar em função da vantagem do dólar alto; e isso é refletido também nos preços dentro dos mercados. 

De acordo com dados da Associação Brasileira de Proteína Animal, a exportação do ovo, por exemplo, aumentou 150%, nos 3 primeiros meses de 2021. Mas Milan fala que há opções para o consumidor fazer substituições na proteína animal, como por exemplo o pernil, que apesar de acumular alta de 26%, em 12 meses, teve baixa nos preços na média 9%, nos 4 primeiros meses deste ano.

Ainda de acordo com a Abras, o setor dos supermercados teve crescimento no seu faturamento de 4% no primeiro quadrimestre deste ano. A expectativa da Associação é de manutenção do crescimento nesses próximos meses em função da prorrogação do Auxílio Emergencial, do adiantamento do 13º salário dos aposentados e do início da restituição do Imposto de Renda.

1 comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Elizabete Soares 11/06/2021 | 13:51

    Onde vamos parar? Com tantos aumento assim Jesus tenha misericórdia de nois.

 
Sitevip Internet