Domingo, 28 de novembro de 2021
informe o texto

Notícias | Economia

Primeiro leilão do 5G movimenta R$ 46,79 bilhões

Seis novas operadoras entrarão no mercado de telefonia móvel

06/11/2021 | 08:41

Agência Brasil

Primeiro leilão do 5G movimenta R$ 46,79 bilhões

Foto: Reprodução

O leilão do 5G, encerrado nesta sexta-feira (05), movimentou R$ 46,8 bilhões. O ágio total do certame foi de R$ 5 bilhões. O resultado foi divulgado em entrevista coletiva, pelo ministro das Comunicações, Fábio Faria. Com isso, o país ganhou seis novas operadoras, uma nacional, a Winity, e cinco regionais, Brisanet, Flylink, Neko, Consórcio 5G Sul e Cluod2U. Todas as obrigações disponibilizadas no edital foram assumidas.

Fábio Faria disse que o leilão superou as expectativas e que grande parte do valor será revertido em investimentos. Ele destacou que novos lotes ainda poderão leiloados.

As três grandes operadoras, Claro, Vivo e Tim adquiriram cada uma 100 megahertz da faixa de 3,5 giga-hertz para cobertura nacional. Essa faixa será exclusiva para transmissão do 5G. O resultado terminou como queria a Anatel, disse o conselheiro Emmanoel Campelo, relator do edital.

No leilão da faixa de 26 gigahertz, vários lotes ficaram sem proposta, mas as empresas Claro e Vivo adquiriram lotes para operação nacional. TIM, Algar Telecom, Flylink e Neko arremataram lotes regionais. Em contrapartida, assumiram o compromisso de levar internet às escolas públicas de educação básica.

Segundo a Anatel, pouco mais de R$ 3 bilhões serão destinados para esse programa. Apesar de ser menor que o previsto pela Agência, o presidente da comissão de licitação, Abraão Balbino e Silva, considera o valor suficiente.

Os lotes que não foram arrematados podem ser colocados à venda novamente, mas a Anatel não tem prazo para isso. Na próxima semana, a agência vai definir quanto do ágio do leilão será convertido em novas obrigações e quanto vai para o Tesouro.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Sitevip Internet