Quarta-feira, 19 de janeiro de 2022
informe o texto

Notícias | Mato Grosso

Decreto do governador para congelar IPVA em Mato Grosso é aprovado

Medida do governador Mauro Mendes recebeu aval unânime dos deputados

12/01/2022 | 07:41

Redação

Decreto do governador para congelar IPVA em Mato Grosso é aprovado

O Governador de Mato Grosso, Mauro Mendes

Foto: Mayke Toscano/Secom-MT

A Assembleia Legislativa aprovou, de forma unânime, o decreto do governador Mauro Mendes que “congela” o valor do Imposto sobre Propriedades de Veículos Automotores (IPVA) em 2022.

A decisão ocorreu no final da manhã desta terça-feira (11.01) e teve parecer favorável da Comissão de Fiscalização e Acompanhamento da Execução Orçamentária e da Comissão de Constituição, Justiça e Redação. 

Com o aval, a medida deve ser sancionada ainda hoje pelo governador.

“Deixo registrado o agradecimento à Assembleia Legislativa por aprovar essa medida que, com toda a certeza, vai aliviar muito o bolso de milhares de mato-grossenses”, afirmou o governador.

O decreto de calamidade pública enviado por Mauro Mendes evita que o aumento no valor dos automóveis ocasione a elevação dos valores a serem pagos no IPVA de 2022, o que afetaria negativamente o orçamento de milhares de famílias em Mato Grosso.

Para o presidente da Assembleia Legislativa, Max Russi, o decreto mostra a preocupação do Governo do Estado com as dificuldades que a pandemia tem trazido às famílias, especialmente as de baixa renda. 

“É uma vitória do povo, dos deputados que representam a população e do Governo do Estado, que teve a sensibilidade de entender a importância desse tema e abriu mão de um recurso considerável para manter o valor do IPVA do ano passado”, declarou.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Sitevip Internet