Quarta-feira, 17 de agosto de 2022
informe o texto

Notícias | Mato Grosso

"PEC a 90 dias das eleições, por tempo limitado, é inadequada"

Texto cria um vale para caminhoneiros e taxistas e amplia o Auxílio Brasil para R$ 600 até o fim do ano

14/07/2022 | 09:17

Mídia News

Foto: Reprodução

O governador Mauro Mendes (União Brasil) classificou como "inadequada" e "proposta em momento inoportuno" a PEC (Proposta de Emenda à Constituição) conhecida como Kamikaze, que tramita no Congresso Nacional.  

A PEC cria um vale para caminhoneiros e taxistas, dobra o valor do Auxílio Gás e amplia o Auxílio Brasil para R$ 600 até o fim do ano, a um custo estimado em R$ 41,25 bilhões aos cofres da União. A medida foi aprovada na Câmara Federal na quarta-feira (13) e segue para o Senado. 

Para Mendes, a medida só poderia ser vista com aprovação caso o benefício fosse duradouro e fora do período eleitoral.  

“Fazer uma mudança de regra a 90 dias das eleições, não parece bom, nem adequado. A assistência por um período tão curto também não parece algo muito adequado, principalmente porque o Brasil não está mais ‘naquela dificuldade’", disse. 

“Hoje, grande parte do território brasileiro tem desemprego em queda. Se fosse um programa continuado de assistência, ok. Eu apoiaria. Mas, um programa momentâneo, próximo as eleição, não me parece adequado”, acrescentou.

Sem crítica a Bolsonaro 

Mendes negou que a crítica à PEC esteja relacionada ao presidente Jair Bolsonaro (PL), que apoia a medida. Os benefícios são vistos como uma tentativa de melhorar o desempenho de Bolsonaro nas eleições deste ano. 

“Uma emenda constitucional tem início e fim no Congresso Nacional. Óbvio que o Governo, e não podemos ser ingênuos, está apoiando. Mas eu vejo [a PEC] com uma certa reticência. Não posso deixar de ver isso”, disse.  

“E se eu estou na política e não puder dizer aquilo que penso... Eu tenho direito de concordar ou discordar de aliados, assim como meus aliados tem direito de fazer isso, desde que sempre o façamos de maneira responsável e coerente”, completou.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Sitevip Internet